Escrito em por & arquivado em Diversos.

No mês de agosto esteve no auditório da FGV, em São Paulo, o xamã esquimó Angaangaq para falar sobre o impacto das mudanças climáticas sobre o Ártico. Em seu relato, ele mostrou como o gelo no pólo norte vem derretendo há décadas, muito antes de se falar em aquecimento global. (Leia a respeito na edição de setembro da revista Página 22.)

O motivo é a poluição carregada pelos ventos até o extremo norte do planeta, incluindo partículas pesadas.

Na edição de 1/9 de seu noticiário, o site EcoDebate trouxe a matéria “Estudo registra a herança tóxica do carvão no Ártico”. Leia o texto aqui e conheça a perspectiva científica do problema que os esquimós vivenciam no cotidiano.

Deixe um comentário

Você deve estar registrado para deixar um comentário.