Escrito em por & arquivado em COP, Negociações Internacionais, Política e Clima.

Por Bruno Toledo (OC)

B34IYsHIMAAU-xzNesta terça (02/12), especialistas liderados pelo World Resources Institute (WRI) lançaram em Lima o relatório “Act 2015”, que reúne ideias sobre como o futuro acordo climático internacional pode ser o mais forte e efetivo possível.

O relatório destaca três elementos cruciais para um acordo bem sucedido na próxima conferência do clima, que será realizada no ano que vem em Paris. Primeiro, o estabelecimento de uma meta de longo prazo para zerar as emissões de gases de efeito estufa o mais cedo possível. Segundo, outra meta de longo prazo, dessa vez para reduzir a vulnerabilidade e construir resiliência em comunidades que enfrentam os efeitos das mudanças climáticas. Finalmente, o estabelecimento de ciclos de cinco anos para apoiar e fortalecer as ações nacionais em clima.

“O mundo precisa de um acordo climático global dinâmico, que possa resistir ao teste do tempo”, defendeu Jennifer Morgan, diretora global do Climate Program do WRI. “Depois de escutar a centenas de governos e stakeholders ao redor do mundo neste último ano, esta proposta [apresentada hoje] oferece uma abordagem nova e fresca que pode unir o mundo na luta contra a crise climática”.

Clique aqui para saber mais sobre o relatório do WRI.

(foto: Sam Barnard/Twitter)

Deixe um comentário

Você deve estar registrado para deixar um comentário.