Escrito em por & arquivado em Diversos.

O vexaminoso prêmio Fóssil do Dia anunciado para o terceiro dia da COP 17 (1/12) teve como ganhador a Polônia. Desde 2008, quando hospedou a COP 14 na cidade de Poznan, o país não era “agraciado”. Mas a opção de optar pelo uso de carvão em lugar de combater a mudança do clima garantiu à Polônia o título de pior desempenho na conferência, no dia de ontem. Segundo a CAN, o país vem defendendo interesses de lobistas produtores de carvão, enquanto nas negociações fala em encontrar uma solução para a mudança do clima.

Em segundo lugar, um frequentador assíduo: Canadá garantiu mais um prêmio pela incapacidade de compreender o princípio das responsabilidades comuns porém diferenciadas. Saiba mais aqui

Deixe um comentário

Você deve estar registrado para deixar um comentário.